Missa


Na terça, 23, aconteceu a missa de sétimo dia em sufrágio da alma de Delfina Maeda, grande dama benemérita, forte personalidade feminina do matriarcado Maeda, viúva do empresário Takayuki Maeda que comandou poderosa empresa homônima durante décadas como uma das principais economias do Estado. A celebração aconteceu na Catedral Santa Rita de Cássia oficiada pelo Bispo Dom Fernando. Jorge e Célia Yegami e toda família presente nas primeiras fileiras, bem em frente altar da nave. Missionárias religiosas subiram ao ambão conduzindo as preces da comunidade; amigos afetuosos do clã Maeda compareceram em peso: os Yoneda, Shimohira, Chiba, Fukuhara, Peppe; mais Otero, Piedade, Cardoso, Paganucci, Barra Andrade, Guerino, Severo, Franceschi, entre outras dezenas de amigos como a estilista Maria Normin;  cabeleireira Adelice Oliveira, de profissionalismo e descrição abissais, era quem cortava o cabelo do saudoso Celso Maeda, na casa do próprio empresário e que também era quem cuidava do clássico penteado de Dona Delfina; Gilson Teixeira,  secretário de Finanças do Governo Municipal, com viés profissional e afetuoso junto aos Maeda, também compareceu à missa. Enfim, uma noite de muita emoção e fé. 

Postagens mais antigas [ <- Anteriores]

 

 

Todos os direitos reservados - Proibida a Reprodução sem Autorização